Bruno pede informações ao secretário da Saúde e ao prefeito da Serra sobre mudança na gestão do Hospital Materno-Infantil

Bruno pede informações ao secretário da Saúde e ao prefeito da Serra sobre mudança na gestão do Hospital Materno-Infantil

O deputado Bruno Lamas, durante sessão ordinária da Assembleia Legislativa, teve a iniciativa de pedir agendas públicas com o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, e com o prefeito da Serra, Sergio Vidigal, para discutir a mudança na gestão do Hospital Materno-Infantil, que deverá passar das mãos do governo do Estado para a prefeitura.


“Também solicitamos agendas com os conselhos estadual e municipal de Saúde. Quais são os nossos objetivos com essas iniciativas? No exercício do mandato parlamentar que nos foi conferido pelo voto popular, estamos preocupados com os impactos para os serranos da mudança na gestão do hospital. O que queremos saber? Quanto o Estado já investiu no hospital até agora? Qual é o valor referente aos procedimentos administrativos para estadualização? Houve o desfecho? Quais as consequências de uma possível mudança para o morador serrano? Quais são os planos da prefeitura ao reassumir a gestão do equipamento público?”, disse o deputado.


Hospital
O Hospital Materno-Infantil da Serra começou a funcionar no mês de abril como unidade de tratamento do novo coronavírus (Covid-19).

 

A unidade foi construída pela prefeitura, com recursos federais, e transferida para a gestão do governo do Estado, no ano passado.

Nos próximos seis meses, enquanto estiver ocupado por pacientes de Covid, ficará sob a gestão estadual e, ao final deste prazo, deverá voltar para prefeitura.


“É importante ficar claro: o Hospital Materno-Infantil é dos moradores da Serra. Está fincado na nossa cidade. Torcemos para que, caso a mudança se consolide, ela seja realizada para melhor atender ao cidadão serrano”, concluiu o deputado.

Tags:

Leia também

Acompanhe

Carregando...
Ver mais vídeos